Coletiva com a imprensa no dia 15/02, 11horas

14 02 2008

Em represalia as constantes denúncias de inflação de direitos , torturas e violencia racial no que toca a gestão carcerária da Colonia Penal de Simões Filho, O Cel. Leite em consonância com o diretor daquela unidade, Sr Isidoro Rodriguez, acionaram o bonde de oito prisioneiros militantes do MNU que estavam atuando no enfretamento à violencia carcerária  naquele espaço. A tranferencia foi efetuada sob a alegação de que os presos negaram-se a se agachar e constituiam uma ameaça a segurança daquela unidade prisional.Neste momento, torna-se importante a solidariedade de organizações, militantes e comunidades negras atuando frente a politica racista da secretaria Marilia Muricy, o superintendente de Assuntos Penais e seus prepostos. Vai rolar uma coletiva de imprensa no dia 15 de fevereiro, as 11 hs na SEMUR onde o MNU e a ASFAP darão eco as denuncias dos irmãos. Desse jeito…

Reaja ou será Mort@!

Anúncios

Ações

Information

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: